Conheça nossa página

Talvez o amor seja tantas outras coisas


Não importa quantas vezes eu cansei do amor. Não importa, sabe? Eu simplesmente estou aqui, sempre e sempre, tentando, de novo e de novo, ser feliz. A vida é engraçada, às vezes estamos no mergulho mais profundo do mar e nos deparamos com as ondas mais belas, que nos levam para longe, depois trazem de volta. Mas, às vezes, e talvez na maioria delas, a gente nada, nada e nunca sai do lugar. Mergulha e volta sem ter expandido nosso horizonte, nosso espaço. E não importa, sabe? A gente vai levando assim mesmo, porque sabe que tem que levar. Por isso, depois de todas as noites com o pensamento flutuando por aí em busca dele, para ele e por ele, eu ainda decido amar.
E, mais uma vez, estou ali, bem em frente sua casa, levando o dedo na campainha mais uma vez até recuar e recomeçar tudo novamente. Então eu canso de novo. Mas, quer saber? No outro dia, ainda estarei aqui, pronta para amar. É que não dá para desamar de um dia pro outro, sabe? O amor nos consome tão rapidamente, mas não é com a mesma energia que vai embora. Ele vem penetrando aos pouquinhos sem que a gente perceba, mas tudo vai mudando drasticamente de dentro para fora. Quando ele tem que ir embora é o lado de fora que precisa mudar primeiro. Dar o primeiro passo.
Talvez a gente precise aprender a desamar também.
É difícil, claro. Amar é fácil, manter o amor que pode ser mais complicado, mas não impossível. E quando falo sobre desamor, deixo aqui as inúmeras afirmações de que se você deixou de amar é porque nunca amou, em branco. Não dá pra colorir a tela que já foi tão retalhada. Mas, sério, você acredita mesmo nisso? Então, pode ser que, diante da leitura dessa tela, as pessoas não mudem e, por isso, seus sentimentos permanecem. Há tintas generalizadas. Há manchas nessa pintura, e eu não vejo como tudo pode acontecer de um único jeito sempre. As coisas mudam, o tempo vai embora e leva consigo qualquer coisa que esteja pelo caminho, assim como as pessoas também.
Nós deixamos um pedacinho de nós a cada esquina que viramos, a cada tempo que passa. Mas também ganhamos novos pedaços. Nós somos construção constante.
Amar e desamar têm lá suas sincronias e dores. Existem por algum motivo. E também há aquela dúvida quanto aos sentimentos sinceros. Mas, sério, quem é que pode julgar um sentimento? Chamá-lo de impróprio ou falso? Ninguém pode julgar a dor dos outros, o amor também não. Cada ser carrega seu direito de amar, de sofrer, lutar, chorar, retroceder, recomeçar. E muito mais. E talvez seja por isso que o amor não tem definição. É tanto. É muito. Vai além de tudo que conhecemos, talvez. É complexo. E tantas outras coisas.

#Resenha: Vai sonhando! - Megan Maxwell


Título: Vai sonhando!
Autora: Megan Maxwell
Editora: Suma de letras (Objetiva)
Páginas: 278
Ano de publicação: 2015
Nota da leitura: 3,5
Onde comprar: Amazon / Saraiva / Americanas

A História
Imagina que você é um jogador famoso do Inter de Milão. Bonito, pegador, mais conhecido como “o touro espanhol” e que está sempre levando para cama qualquer mulher que julgue ser “perfeita”. Tudo ótimo até aí? E se o destino lhe pregasse uma peça da qual expulsasse do seu belo rosto toda sua suposta felicidade? E se, mediante aos obstáculos da vida, você caísse em um buraco que te tirasse de campo?
Rubén é esse cara. Ou melhor, era. Até que sua vida muda drasticamente quando ele sofre uma queda gravíssima e precisa ser operado, ficar de molho e fazer fisioterapia para que possa retornar sua antiga vida. Só que ele se fecha totalmente para a vida quando descobre que não vai poder voltar ao campo tão cedo, mas, talvez, haja imunidade para seu amargo humor.
Ou talvez Daniela seja apenas Daniela: imune às tristezas da vida.
Daniela é sua mais nova fisioterapeuta e terá que lidar com a acidez do humor de Rubén. E Rubén, por sua vez, terá de lidar com o sorriso tão belo que Daniela sempre carrega por aí que o desconcerta e irrita instantaneamente.
E talvez os dois lidem com muito mais que isso, simplesmente, porque a vida é muito mais.
Quais as chances de uma tragédia carregar os resquícios de um encontro que pode dar certo?
Personagens principais
Rubén Ramos é um cara sarado, famoso, ele joga no Inter de Milão e conquistou o público. Tem vários fãs pelo mundo e adora sua vida. Ele tem um conceito tosco sobre a perfeição e todas as suas “namoradas” são escolhidas à dedo, pois devem ter o corpo “perfeito”, segundo seus critérios. Após o acidente, Rubén se torna um cara cruelmente mal-humorado e desconta sua raiva em Daniela. Só que, talvez, não seja raiva o que ele realmente sente e, por isso, faz de tudo para esconder…
Daniela é loira, não tem o corpo “tecnicamente perfeito” esperado pelos padrões de beleza da sociedade, mas é feliz do jeito que é. Ela é uma moça maravilhosa. Leva sua profissão muito à sério e está sempre disposta a ajudar quem precisa. Em sua face, sempre estampa um sorriso, como se a vida fosse algo permanentemente bom, mas, no fundo, ela guarda um segredo. Um segredo que lhe ajudou a compreender melhor a vida e os valores que nós atribuímos a coisas fúteis. Independente e madura, Daniela lida com as circunstâncias de cabeça erguida e não corre dos problemas. Ela é uma nova mulher após ter passado por momentos difíceis e, quem sabe, ela não possa iluminar o caminho do jogador também.
Os personagens são muito carismáticos, mas não consegui me afetar por muito por eles. Não que não tenham sido bem construídos, só que não rolou aquela química, sabe? Gostei e tal, mas foi só isso. Daniela foi a única que me deixou mais admirada.
Personagens secundários
John Norton é técnico de Rubén. Ele torce por sua recuperação e faz de tudo para ajudá-lo, além de lhe ter disponibilizado Daniela, conceituada por ele, como a melhor fisioterapeuta que conhece. Rúben o respeita e considera muito, sua palavra é sempre ouvida. Porém, ele é algo mais. E talvez o jogador seja muito surpreendido ao longo do caminho.
Jandro é o amigo mexicano zoeira de Rubén. E eu poderia terminar falando assim dele, porque não é alguém tão interessante. No entanto, vou citar ainda que ele é mulherengo (daqueles que também procuram perfeição em cada bunda que vê, Argh!) e machista no mesmo nível. Ah, e, só para completar, ele também é um jogador famoso do Inter de Milão e escolheu por ser aquele riquinho babaca que leva a vida na maior “curtição”, tratando mulheres como objeto.
Olivia é irmã de Rúben que, para o desgosto de todos, resolveu se casar aos 23 anos com Jacobo, um cara 15 anos mais velho. A menina é quieta e está vivendo pelo casamento, sonhando como uma adolescente com o grande dia. Só que todos parecem não a apoiar nisso, mas ela não desiste. E, talvez, possa se surpreender...
Malena é a irmã descolada do jogador. Divorciada, ela é totalmente contra casamentos. É a dentista da família e aquela que fala o que pensa, sem dó nem piedade, porém, ela tem o coração enorme.
Antonella é a amiga de Daniela. Ela trabalha no abrigo pelo qual Daniela faz de tudo para ajudar. É o abrigo onde mora Suhaila, uma garotinha que Daniela tanto ama, e Israel, um adolescente que a conquistou, e ela tenta adotá-los.
Capa, escrita e detalhes
Eu odeio quando odeio as capas de livros. É que eu sei e compreendo todo o trabalho que a editora teve para produzir a capa (e aqui falo mais da pessoinha responsável por essa etapa), então sempre tento ver o lado bom das capas e tal, porém, essa… não consegui. Para mim, pelo menos, ela não faz o menor sentido com a história e é muito sem graça mesmo. A única coisa de que gostei foi da bola de futebol no “pingo” do ponto de exclamação. E só.
O título faz sentido apenas no decorrer da história e é ok.
A escrita é bem leve, típica da Megan. Não é aquela escrita de arrancar suspiros, aliás, achei bem rasa se comparada a outros exemplares. Sem muita emoção, porém a leitura corre bem e não há enrolação para o desfecho da história. O final foi bem construído, porém bem previsível também. Enfim, não foi um livro que vai parar na lista dos favoritos, mas, mais uma boa história para ler em um fim de semana.
Ah, um detalhe importante: a capa do livro e o título não deixam explícitos que tem um lado um pouco hot no livro, acho que isso pode desagradar a quem não gosta dessa mistura sem aviso prévio. Eu não ligo, aliás, já acostumei a ler romances que vão de declarações fofas para cenas de sexo bizarras e selvagens. Mas, claro, tudo dentro da naturalidade da obra, please. Aqui, de fato, você já espera que aconteça e, realmente, acontece.
Conclusão
Então, concluindo a resenha gigante, digo que gostei do livro. Como já disse, é uma leitura que pode não arrancar suspiros e entrar para lista do favoritos (vai saber), mas uma leitura leve, humorística, curta e boa.
Por que a nota 3,5? Porque o livro podia ter sido bem mais trabalhado. A escrita poderia ter tido mais emoção, mais detalhes, não sei. Faltou algo que fez realmente muita falta e talvez eu não saiba afirmar com certeza o que foi que faltou. Enfim, achei que foi uma leitura boa, porém poderia ter sido uma leitura ótima ou maravilhosa. Porque, Daniela é maravilhosa. Acho que ela merecia mais, afinal.
Porém…
Vale a pena a leitura, pois, como disse, é uma leitura fácil, leve e divertida. E, além disso, trata um assunto delicado e muito encontrado no meio feminino, sabe? Um assunto tabu ainda, talvez. Um assunto que mexe com a estrutura emocional de qualquer mulher. E talvez esse seja o fato mais importante relatado no livro. Além de tratar também assunto sobre adoção, o que, na minha opinião, foi um pouco superficial também, mas é um baita assunto.
Entenderam? Tantos assuntos bons abordados, porém achei que não couberam em 278 páginas. Sou uma chata, hahaha.
Enfim, eu recomendo a leitura para quem gosta de romance que vai de declarações ao sexo abertamente. Para quem procura uma história leve, curta e divertida. E para quem tiver curiosidade sobre a história e quiser comprovar ou não minha opinião. Mas, principalmente, para os fãs da autora (eu também sou, viu gente? Acreditem! Hehe).

Nota da leitura:
 

#Resenha: O dono do morro (Livro 1) - Iris Rafaela (Wattpad)




Título: O dono do morro – O que fazer quando você se apaixona pelo inimigo? (Livro 1)
Publicação: Independente pelo Wattpad
Autor: Iris Rafaela
Capítulos: 60 capítulos

"Depois daquela notícia, um sentimento de felicidade e amor invadiu meu peito."

A História
Nesse livro nos deparamos com história de Jorge e Catarina. Jorge Costa da Silva é o homem mais respeitado do morro, ou seja, ele é o chefão. Ele ficou com essa responsabilidade depois da morte de seus pais. Já Catarina Ferraz dos Santos é filha do maior rival de Jorge. Ela é uma mulher encantadora, mas tem esse problema: é filha do inimigo. Eles se conheceram em uma boate e, já no primeiro momento, sem saber da vida pessoal de cada um, se entenderam perfeitamente. Não sabiam o que na verdade estava rolando, mas ambos sabiam que havia algo diferente. Essa história acontece em duas favelas do Rio de Janeiro e, como Jorge e Pablo, pai de Catarina, são inimigos, sabemos que tudo pode acontecer. E tudo aconteceu...
Personagens Principais
Jorge é dono do morro com 19 anos, tem 1,80 de altura, moreno de olhos castanhos e um corpo de parar o trânsito. Seu nome é Jorge Costa da Silva.
Já Catarina Ferraz dos Santos tem 19 anos, com 1,65 de altura, cabelos loiros e com um corpo perfeito e seu único problema é ser filha de Pablo.
Personagens Secundários
Pablo Ferraz é o dono do morro rival de Jorge. Ele tem 1,83 de altura, 32 anos, loiro de olhos verdes, com um corpo bem definido. É o pai de Catarina e rival de Jorge.
Pedro, mais conhecido como PR, é primo de Jorge e ele ajuda seu primo na venda de drogas na favela, ele tem apenas 24 anos e é moreno, tem 1,75 de altura e é um cara que tem vários amigos e que se dá bem com todo mundo.
JD tem 1,83 de altura, com 24 anos e é o cara que organiza todas os bailes no morro. Ele é moreno e tem um corpo bem definido em perfeita sintonia com seus olhos castanhos.
Carla é prima de Jorge, ele se relacionava com ela sempre que podia. É uma linda morena de 19 anos.
Marcelo tem o apelido de Celinho, tem 1,80 de altura e com 22 anos. Tem cabelo loiro, pele morena e é o cara de confiança de Jorge dentro do morro.
Natalie é irmã de JD, ela tem 20 anos, 1,63 de altura, cabelos pretos e o corpo perfeito.
Já Sandro tem 19 anos e é o amigo de Jorge desde o ensino médio em que, nesse tempo, houve um problema entre os dois e isso acabou ocasionando em uma distância na amizade deles.
Capa, escrita e afins
Esse livro é bem legal e gostei muito de cada momento. É bem simples e não há dificuldade para a leitura. Eu li em questão de poucas horas, pois é de fácil entendimento. Quem gosta de livros de romance e suspense vai adorar.
Conclusão
Nesse livro, encontramos duas história de duas pessoas completamente diferentes e que tem tudo para serem grandes inimigos, pois são de favelas rivais. No entanto, o amor e a atração falou mais alto. E nos faz pensar em como o amor é capaz de unir duas pessoas totalmente diferentes. Essa história linda, que nos mostra como o amor é capaz de mudar certas atitudes que pensamos que jamais poderiam ser mudadas. Eu adorei essa história e espero que vocês também gostem.
Citações importantes
Linda como sempre, mais filha do inimigo”
Eu acho até que estou gostando desse cara...”
Mas, a cada beijo nosso eu queria mais e mais, não tem jeito. Eu acho que to começando a te amar.”

Nota da leitura: 





No cair da noite


Ouço passos pelo corredor do escritório no momento exato em que fecho o notebook para deixar a sala. Chega de trabalho por hoje. Estou guardando o celular na bolsa quando recebo uma mensagem de texto com seu número. É você, mais uma vez, dizendo que está saindo e que pode me dar uma carona se eu quiser. Como não quero, agradeço em uma digitação rápida, curta, grossa e desligo o celular para que não veja mais sua foto brilhando na tela em um pedido absurdamente insistente. Só mais uma vez.

Desço as escadas em passos leves e cansados. Quando estou abrindo a porta da frente do nosso cômodo robusto onde ocupa três escritórios pequenos, mas aconchegantes, sinto sua mão na minha, ainda na maçaneta. Como quem não quer nada. Como quem não quer, definitivamente, me esfregar contra parede ali mesmo. Sinto seus olhos nos meus quando viro rapidamente a cabeça para te olhar. Barba cerrada. Cheirando a café em uma mistura de colônia amadeirada. Blusa social com apenas dois botões abertos, mostrando fragmentos de um peito liso. Engulo as palavras que querem voar de minha boca e digo um boa noite apressado seguido de um até logo.

Saio.

Mas não tão fácil.

Você vem logo atrás, com passos largos e imperfeitos. Chama meu nome como quem canta uma melodia de Ed Sheeran. Posso ouvir o tilintar dos instrumentos ao longe de sua voz macia. Apenas repito que não preciso de carona. Mas você continua vindo, posso ouvir. Sentir. Está tão perto que quase penso em correr. Seria muito ridículo? Estou cogitando a ideia quando sinto sua mão segurar minha cintura.

Porra. A. cintura. Não.

Viro, calmamente, para te olhar mais uma vez. Então eu vejo. Um sorriso reluz em seus lábios, ali, bem acima da meia-lua que nos observa ao longe. E eu só consigo perguntar internamente: por que, Deus? Respiro fundo como se fosse responder a uma pergunta macabra em uma prova de vestibular. Mas então, paro. Penso. Qual problema teria em aceitar uma carona? Estou sozinha, cansada e teria que chamar um taxi, o que incluiria meu dinheiro vazando pela bolsa. Digo que está bem e vou para o outro lado da porta do carro antes mesmo que você insista em vir abrir.

Entro.

E, dali, não saio mais.

E a única certeza que tenho é que a lua presenciou tudo, brilhante lá em cima, no meio de suas estrelas tão belas, como se aprovasse toda essa poesia que a vida traz, de repente, em um dia que teria tudo para terminar pior do que começou. Aconteceu ali, no meio do brilho do cair da noite que teve fim, mas que nos levou a um começo que, durante algum tempo, tentei impedir. Que tola.

#Resenha: Quando Encontrei Você (Série Por Você, Vol.4) - Regilda Araújo (Wattpad)



Título: Quando encontrei você (Série Por Você, Vol. 4)
Autor: Regilda Araújo
Páginas: 52 capítulos
Publicação: Independente pelo Wattpad
Leia as resenhas anteriores:

ATENÇÃO! Essa resenha, por ser sobre o último livro da série, pode conter spoiler sobre os outros livros.


Eu não quero que seja forte por mim. Quero que seja forte por você.”

A História
Esse livro conta a história de Eduarda, a irmã mais velha de Nick e Kadu. Ela acaba de acordar de um coma onde ficou por muitos anos e viu que a vida de todos mudou completamente. E, assim que acorda, percebe que muitas coisas mudaram, também, com ela e a família. Com isso, ela começa a lembrar de tudo que aconteceu para ter ido parar no hospital. Depois de se situar, acaba percebendo que seu corpo não é mais o mesmo e, com isso, precisará da ajuda de todos da família e também de Victor, fisioterapeuta que vai ajudar em sua recuperação, para conseguir a sua vida de volta. Muitas coisas acontecem, então, Eduarda e Victor acabam ficando mais próximos.
O que será que vai acontecer com esses dois? É amor ou só amizade?
Personagens Principais
Eduarda tem olhos verdes e é uma mulher linda de vinte e cinco anos, seus olhos são pequenos e muito expressivos, estudante de Artes na Braz Cunha. Já Victor tem cabelos castanhos e tem vinte e oito anos. É viúvo e tem um filho, chamado Davi, que por sinal é lindo. Ele leva seu trabalho e sua família muito a sério. É um dos melhores fisioterapeutas do país e veio ao Brasil, depois de anos da morte de sua esposa, para poder ajudar na recuperação de Eduarda, conforme fez com o irmão dela, Nick.
Personagens Secundários
Belinda é cunhada de Eduarda, esposa de Kadu. Ela desistiu de ser morena e voltou a ter cabelos ruivos e é uma mulher de sorte, pois seu marido mudou completamente de vida só pelo amor que sente por ela. Kadu Agora é o responsável pela empresa da família.
Nanda se casa com Nick, irmão de Kadu, e o casal está fazendo uma turnê que está sendo um sucesso. Nick tem a estrutura forte, cabelos castanhos escuros e um vestígio de barba. Nanda é uma morena linda, de longos cabelos cacheados.
Joana é uma mulher linda, morena, cabelos negros com olhos castanhos, ela é a enfermeira que cuidou da Eduarda todo o período que ela esteve no hospital.
Davi tem olhos verdes igual da sua falecida mãe, Regina, ex-esposa de Victor. Os cabelos castanhos são iguais aos do pai. Ele tem quatro anos e é uma criança adorável e muito esperto para sua idade. Beth é a babá de Davi, ela é brasileira, mas passa muito tempo morando fora do Brasil para trabalhar.
Angeline é a mãe de Victor, uma mulher arrogante e se acha a dona da verdade. Nunca gostou de nenhuma escolha que seu filho fez, trata todas as pessoas mal e principalmente seus funcionários. Ela é totalmente diferente de Victor. Ela só se dá bem com Verônica, irmã gêmea idêntica de Regina, esposa falecida de Victor, pois as duas tem o mesmo estilo de vida.
Elisa é mãe de Eduarda, Kadu e Nick. É uma mulher incrível, faz trabalho voluntário em várias ONGs e também adora passar um tempo com a família.
Capa, escrita e afins
O que falar desse livro? Não tenho nem palavras. A imagem da capa nos mostra uma pureza, uma linda tradução do sentido principal da história: o amor. A imagem de duas pessoas totalmente diferentes, mas que deixam transparecer o lindo sentimento que os uniu. Tudo simplesmente me encantou, a escrita, os personagens em uma sintonia perfeita. Essa é uma das melhores histórias que já li.
Conclusão
Gente que história perfeita, essa é uma da melhores que já li, como acabei de dizer. É uma história de superação para ambas as partes, onde o amor que foi conquistado, falou mais alto e deu lugar a um belo desfecho.
Me emocionei em cada frase lida, essa história é de deixar qualquer um de boca aberta e com os olhos cheios de lágrimas. Eu simplesmente amei essa série e li em muito pouco tempo. É composta por quatro livros e cada um me encantou de uma maneira diferente, me deixando apaixonada.
Quem ainda não leu, corre logo que ainda dá tempo, essa história é perfeita. Eu super indico e, se pudesse, dava 10 estrelas, pois, simplesmente, me encantei.
Citações importantes
Beijar você está se tornando algo viciante. Não consigo parar de pensar nos seus lábios, em como eles aceitam quando a toco.”
Te amo da forma mais pura que alguém pode amar.”
Eu tenho pensado em você
Me apaixono mais a cada dia
Me perco no tempo
Só pensando no seu rosto.
Só Deus sabe por que demorei tanto
Pra deixar de lado minhas dúvidas
Porque você é o único que eu quero.” (Adele)
Tudo que eu preciso está aqui nesse momento.”
O amor não sobrevive apenas de um lado”.
Só diga que ama apenas por hoje
E não me dê seu tempo, pois não é a mesma coisa
Quero sentir as chamas queimando quando diz meu nome
Quero sentir a paixão percorrendo meus ossos
Como o sangue em minhas veias.”
Eu amo você e nunca vou me cansar de dizer isso”.

Nota da leitura:


© Escrituras da Alma - 2016 | Todos os direitos reservados.
Desenvolvimento por: Jaque Design
Modificado por: Sâmela Faria | Tecnologia do Blogger.
imagem-logo