Às vezes acho que sei lá

by - março 28, 2020

Sabe, nem toda falta é tediosa. Às vezes é só carência, as vezes é só saudade de fantasiar além do que realmente acontece. E às vezes é só falta mesmo, sem peso, sem ressentimento. 

Mas às vezes acho que... sei lá. Sei lá se tô com saudade de uns dias de inverno aí em que eu me agarrava com ele em qualquer esquina. Sei lá se tô com saudade de um café quente antes de dar bom dia. Sei lá se ainda tô a fim de fazer aquele curso de fotografia. Só que, sabe, sei lá.

Às vezes acho que sei lá sobre o amanhã ser tão perto e tão longe ao mesmo tempo. Sei lá se ainda curto sertanejo como antes. Sei lá se gosto de ver filme reflexivo se for trazer o sangue das cenas para minhas noites sem dormir... Só sei lá. 

Não sei se quero viajar pelo mundo mais, se tô com vontade de ganhar algum prêmio importante um dia ou se ainda vou recorrer àquela dívida do vizinho de três meses atrás. Às vezes acho que sim, outras vezes acho que não. E não falo da dívida. Falo da vida.

Às vezes quero, segundos depois tenho dúvida. Às vezes sinto, depois congelo. Às vezes penso, depois não entendi nada. Tem dias que tô inteira, outros dias tô só o caco de um sábado nada animado. Talvez eu seja noite num dia de sol ou sol num dia noturno. Não sei, sabe, sei lá.

 Sei lá se tô com cabeça pra saber alguma coisa, mas às vezes eu quero tudo, enquanto em outras vezes tô caindo fora sem bagagem porque nem deu tempo de querer partir ainda. Nem sempre tô aqui ou lá, tem dias que nunca nem cheguei a estar em algum lugar. 

Mas sinto que dou alguns passos. Mesmo que não saiba o caminho ainda. É que, sabe, às vezes sinto que... Sei lá se ainda tô na estrada, de fato... É só que, veja bem, eu sou o mundo de dentro vomitando tudo aquilo que guardou por não saber mais onde enfiar.

Sei lá.

Se eu não caibo em mim, onde mais deveria caber?

Hei! Acho que você vai gostar disso também:

0 Recados

E você, o que achou do post? Me conte aqui nos comentários!
Deixe seu link para eu conhecer seu blog também. ;)

Últimos vídeos:

Textos para sua alma