Romance com representatividade negra: Aliança de Casamento - Jasmine Guillory

by - março 30, 2020



Título: Aliança de Casamento 
Autora: Jasmine Guillory
Editora: @planetadelivrosbrasil
Páginas: 256 p. 
Ano de publicação: 2019
Onde comprar? Amazon

HISTÓRIA
Alexa é chefe de gabinete do prefeito de Berkeley. Uma mulher inteligente e que preza pela causa dos menos favorecidos. Em relação ao amor, Alexa não sabe opinar, já que ela tem se esquivado ao mesmo tempo que deseja algo interessante para sua vida.

Drew é cirurgião pediátrico em um hospital de Los Angeles. Ele odeia casamento e não tá a fim de se prender a mais ninguém desde sua última decepção. É um cara alto astral e que vive sua vida focado no trabalho já para não dar vazão pra outras coisas.

O que um médico de Los Angeles e uma chefe de gabinete do prefeito de Berkeley poderiam ter em comum? Exatamente: nada. Mas não é isso que o acaso pensa, afinal, num dia qualquer, os dois ficam presos em um elevador.

É dali, portanto, que surge um acordo: ela seria sua acompanhante no casamento de sua ex. Nada mais. Ele seria sua distração num casamento qualquer e nada mais. Às vezes o nada pode significar muito.
Talvez tudo.


OPINIÃO
 
A escrita é leve e com um humor muito gostoso de acompanhar. Temos dois personagens que logo nos chamam atenção por terem suas sacadas cada um à sua maneira. O livro prende logo de início.

No entanto, vai ficando morno lá pela metade, que é quando você espera que algo mais aconteça e nada. Sim, eu sei que se trata de uma história leve de romance clichê e tal, mas realmente o livro me fez sentir um áurea de "aí vem coisa". Mas não veio.

Os protagonistas são bem interessantes, têm uma química bacana. Os secundários são isso mesmo: secundários e não acrescentam muita coisa. Até aí ok. O ritmo da leitura, pra mim, foi descendo ao invés de subir. Começou muito bom, criei expectativa, mas foi só isso mesmo: bom. Só que tinha tudo pra ser incrível.

Eu gostei, não amei. Mas adorei acompanhar uma protagonista negra em um livro onde o foco não é falar de racismo. E não entendam mal, é óbvio que é muito importante que esse assunto seja discutido, mas sinto falta de ler algo assim, leve, divertido e sem a carga pesada que o tema acaba trazendo.
Então é isso, um clichê que gostei, mas poderia ter amado. Recomendo pra quem gosta de romance nesse estilo, que dê pra ler rapidinho entre uma leitura e outra e, principalmente, pra quem está buscando ler livros com protagonistas mulheres, negras e bem sucedidas. Isso eu amei.

Agora é com você: gosta de clichês leves assim? Já leu algum livro com personagem negra sem ter o tema central no racismo? GRITAAAAA!

Hei! Acho que você vai gostar disso também:

0 Recados

E você, o que achou do post? Me conte aqui nos comentários!
Deixe seu link para eu conhecer seu blog também. ;)

Últimos vídeos:

Textos para sua alma