Fantasia,

#Resenha: Metamorfose? - Gail Carriger

maio 14, 2018 Sâmela Faria 0 Comments

Título: Metamorfose? (Série O Protetorado da Sombrinha, livro 2)

Autora: Gail Carriger

Editora: Valentina

Páginas: 320

Ano de publicação: 2013


A História


Estamos em 1870. O mundo sobrenatural de Alexia, agora Lady Maccon, acaba de virar de cabeça para baixo quando algo muito misterioso, mais conhecido como humanização, acontece. A humanização neutraliza qualquer poder sobrenatural, impedindo que os sobrenaturais possam fazer a mutação, ou seja, eles permanecem presos em suas formas humanas, tornando-se mortais.

Mas parece que a preternatural, Lady Maccon, não é atingida.

E também parece que ela é a principal suspeita desse acontecimento, afinal ela é a única de sua espécie e que é capaz de neutralizar os sobrenaturais. Fantasmas foram exorcizados e desapareceram para sempre. Na Escócia, os sobrenaturais vivem em plena luz do dia, sentem  dores que já nem se lembravam mais que poderiam sentir, além de não terem mais como se cicatrizar rapidamente como antes. O que será que aconteceu e quem poderá estar por trás disso?

Bem, não se esqueça de que Lady Maccon precisa tocar em um sobrenatural para que ele se neutralize e seria impossível que ela pudesse tocar todos ao mesmo tempo... certo?

No entanto, engenhosa como é a esposa de Lorde Maccon, além de todo esse caos, há alguém querendo matá-la.

Em um dirigível, Lady Maccon parte para a Escócia com intuito de se juntar ao seu esposo, Lorde Maccon, e avisá-lo sobre as últimas notícias Londrinas juntamente com sua irmã insuportável, sua amiga Ivy, o criado pessoal de seu marido, Tunstell, e, sua mais nova conhecida, a inventora Madame Lefoux.

Entre venenos, novas amizades, novas desconfianças, metamorfoses, uma longa viagem e dirigíveis, quem poderá ir contra a mais nova e turbinada sombrinha de Lady Maccon?

Personagens principais


Alexia, agora Lady Maccon, está feliz com seu casamento. Tudo parecia em perfeita ordem após o casamento mais inadequado possível de um lobisomem, Lorde Maccon, com uma preternatural, Lady Maccon.  Agora, Lady Maccon é a muhjah oficial e integrante do Conselho Paralelo (que trata de questões sobrenaturais com a coroa e assuntos legislativos do assessoramento político-militar) e, com sua tendência investigativa, vai começar a ir atrás de qualquer pista para descobrir o que, de fato, está acontecendo em Londres. Com uma nova e turbinada sombrinha, fabricada por uma inventora que usa roupas masculinas, ela decide ir atrás do marido na Escócia para avisá-lo sobre as últimas notícias Londrinas.

Conall, Lorde Maccon, é o conde Alfa da alcateia do Castelo de Woolsey, agora esposo de Lady Maccon. Além disso, Lorde Maccon é um homem importante por ser integrante do DAS (Departamento de Arquivos Sobrenaturais), que se encarrega do cumprimento de leis, colocando em ordem esse mundo junto e misturado de sobrenaturais e mortais. Ele tem um temperamento forte, é um homem grandalhão, além de um imenso lobisomem, e não deixa dúvidas de que é um sobrenatural poderoso, com sua pelagem de tom castanho-escuro e com olhos amarelados. Após receber uma notícia sobre sua antiga alcateia, Lorde Maccon parte para a Escócia, em sua forma de lobisomem, para poder ajudar e compreender o que está acontecendo. Lá, a humanização já chegou também. Ao chegar, ele descobre que sua amada e corajosa esposa, Lady Maccon, acaba por aterrissar de dirigível e com o grupo mais inadequado como companhia. Será uma viagem e tanto!

Personagens secundários


Liall, é o professor Randolph, um velho lobisomem com uns trezentos anos. Ele também é integrante do DAS e melhor amigo do Lorde Maccon, além de ser da alcateia de Woolsey também. Ele está investigando em Londres o caso da humanização enquanto seu lorde se encontra investigando na Escócia. Ele é um cara do bem, intelectual e muito determinado.

Ivy é a amiga de Lady Maccon. Ela tem uma grande notícia para dar sobre sua vida, mas talvez não seja tão grande assim quando se descobrir apaixonada por Tunstell, um ator e criado pessoal do esposo de sua amiga! Veja só que inadequado...

Tunstell é ator e criado pessoal de Lorde Maccon, esposo de Lady Maccon. Ele está apaixonado pela amiga de sua Lady, Ivy, mas sabe a diferença de classe e espécie que pode atrapalhar. Ele é bonito, ruivo e robusto, porém desengonçado.

Madame Lefoux tem lábios delicados, olhos verdes grandes, maçãs do rosto salientes e covinhas que surgem com seu sorriso. Seu cabelo é curto, como de homem. Apesar de sua vestimenta também ser vista como masculina, com calças e botas, ela não deixa de emanar sua feminilidade. Ela é inventora, e Lady Maccon gosta dela de cara, mas tem algo aí que não está batendo...

Angelique é a criada de Lady Maccon, encarregada de zelar por sua aparência, cuidando de seu cabelo e suas roupas. Ela é ex-zangão de um vampiro e é francesa. Lady Maccon não confia nela.

Capa, escrita e detalhes


Eu gostei muito da capa do primeiro livro (veja aqui), mas essa, embora não seja feia nem nada, não me agradou tanto. Acho que, na verdade, é só porque a imagem da moça na capa parece estar embaçada, não sei (não dá pra ver por foto), pelo menos na minha edição está assim. Não fosse isso, a capa seria bonita também. Gostei do jogo de cores!

A escrita de Gail Carriger continua a mesma do primeiro livro: cativante, divertida e culta, embora não te deixe desentendido de nada. Para mim, é uma escrita bastante peculiar, mas o que são as histórias de Carriger, não é? A escrita tinha que seguir a mesma linha! Hahaha. Mas eu adoro, viu?!

O livro conta com várias histórias secundárias, e isso dá mais realidade ao contexto. Os personagens são sempre tão bem caracterizados que te faz imaginar que você os conhece muito bem – eu fiquei mesmo é querendo conhecer muitos deles, inclusive. Gail tem uma criatividade incansável quando se trata de histórias mirabolantes que misturam romance de época, invenções tecnológicas e sobrenaturais, foi exatamente esse conjunto que me deixou completamente fisgada pela série. Estou muito ansiosa para ler todos os livros (até agora, são cinco).

Nesse livro, Lady Maccon juntamente com sua língua afiada e saberes intelectuais, fruto de muitos estudos e leituras em sua biblioteca, vai investigar afundo que onda é essa de humanização que sobrecaiu em Londres, mas ela nem imagina o que, de fato, está por trás de tudo isso.

Conclusão


A história se passa em um momento muito delicado da sociedade Londrina do mais alto escalão: enquanto fantasmas desaparecem, vampiros e lobisomem viram completos mortais e ninguém sabe o que é que está acontecendo. A onda de humanização está engolindo a todos, e Lady Maccon, juntamente com seu grupo estranho de companhia e seu esposo, Lorde Maccon, irá investigar afundo tudo o que está por trás disso. Uma coisa é certeira: sua mais nova e turbinada sombrinha não poderá faltar a essa festa de descobertas misteriosas.
Certa de que já deixei bem claro minha admiração por essa autora incrível, deixo aqui, mais uma vez, minha recomendação dessa série! Se você ama histórias sobrenaturais, não pode deixar de ler esses livros! E se você ama romances de época, jamais poderá perder também. Agora, imagine se você é daqueles leitores que amam as duas coisas, agora imagine uma série inteirinha que une isso em uma única história mirabolante e genial? Sério, NÃO PODE PERDER. Ah, desculpe o grito.

Fui clara? Ótimo.

Ops! Ouviu? O que foi isso? Foi uma Metamorfose?


0 Recados:

E você, o achou do post? Me conte aqui nos comentários!
Deixe seu link para eu conhecer seu blog também. ;)