#2: Desligue a TV, vá viver um pouco

by - abril 12, 2020




Lá fora o mundo não é mais o mesmo. Por quê? A pandemia que nos ocorre, a quarentena e o isolamento social nos fizeram chegar ao apogeu máximo da loucura: esquecemos de viver. Sim, esquecemos de viver. O mundo virou de cabeça para baixo com um vírus e, você, querido(a) leitor(a), acha mesmo que está vivendo?

Você pode estar indo trabalhar. Você pode estar saindo de casa para ir ao supermercado. Você pode estar ficando em casa — obviamente. Você pode estar fazendo tuuuudo que faz naturalmente, quando, claro, não há um vírus à solta.

Porém, de qualquer maneira, amigo(a), você está vivendo no máximo do máximo no automático. Está tão fissurado em algo — no caso, o covid-19 — que esqueceu de viver de maneira intensa.

"Desligue a TV, vá ler um livro!" — este era o slogan da saudosa MTV Brasil há mil e duzentos anos atrás.

Ok, eu exagerei, mas faz tempo mesmo. Só que mais atual, impossível. Pare de ficar 24h ligado na tevê, celular, computador, superpreocupado. Sim, eu entendo que precisamos nos informar. Contudo, precisa fissurar no jornal?

Leia livro — há várias dicas de livros aqui no blog, eu recomendo —, assista uma série, faça atividades. Desfoque um pouco. Viva, de novo.

Para não surtar, ouço todo dia minhas playlists do Spotify. O meu Spotify não aguenta mais 'rodar' às músicas da Rita Lee — sou fã de carteirinha dela.

Meus livros estão desgastados. O último livro que li foi "MACUNAÍMA, o herói sem nenhum caráter", de Mário de Andrade. Leiam! Não só esse, mas outros também. Compartilhem dicas de leituras — principalmente para mim, no Twitter@guxba.

Pondero aqui novamente: não estou julgando quem vê TV para se informar. Estou falando da fissura em ver TV 24h sobre a pandemia e esquecer de fazer aquilo que é o mais divino, VIVER.

Assista jornal. Leia um livro. Assista sua série. Leia um livro. Faça exercícios. Leia um livro.

O próximo que eu lerei é “Crônicas para jovens: de escrita e vida”, de Clarice Lispector.

Se divirtam, porém, em casa

Até a próxima coluna, queridos!

Hei! Acho que você vai gostar disso também:

0 Recados

E você, o que achou do post? Me conte aqui nos comentários!
Deixe seu link para eu conhecer seu blog também. ;)

Últimos vídeos:

Textos para sua alma