Conheça nossa página

Daí que a gente cresce e pronto…


Quando a gente cresce
Fonte
Já não somos mais os mesmos de quando tínhamos sete, oito ou até mesmo nove anos. Onde ficávamos uma tarde inteira a correr juntos com os amigos, mandávamos bilhetes fofinhos em meio a aula, fazíamos de tudo para arrancar um sorriso de quem gostávamos. Onde, no começo do anoitecer, nos rendíamos sentados em qualquer calçada para ver cada estrela surgindo naquele vasto, lindo e misterioso céu.

Nossa, caramba! Isso é uma droga... perder isso é uma tremenda droga! Toda aquela inocência, pureza e leveza da vida. Pois é, o que podemos fazer?! Se tudo que é novo nos dá um imenso medo, sempre! Mas é só o que nos resta a fazer: recomeçar. Sempre é tempo de recomeçar e isso nos dará medo, isso é algo que não podemos evitar, porque medo sempre existirá mediante as coisas novas que iremos fazer e não é pouco. Porém, é preciso, sim, é preciso haver começos, meios e principalmente os fins de toda história vivida, contada e até mesmo aquelas que foram somente sonhadas.

Como podemos olhar para o melhor em nossas vidas e saber que aquilo não é para nós? Como aceitar isso?! Eu não sei, eu não faço a menor ideia de como, não faço mesmo. Poxa vida, que loucura! No entanto, acredito que tudo tenha um porquê do qual nós não fazemos a menor ideia. Mas não sabermos não muda o fato de que há um por quê. Eu penso que só o fator de você não se entregar à derrotas, já se torna muito quando não acreditamos muito no nosso potencial.

Sairmos em busca de ser melhores, só que dessa vez melhores para nós mesmos, não nos torna egoístas; buscar algo para continuar bem, de forma alguma, nos faz ser egoístas. A verdade é que não devemos deixar que uma derrota nos faça aceitar e ser menos do que poderíamos ser sempre. As quedas fazem de nós grandes guerreiras e, às vezes, você tem que parar e se enxergar mais do que o mundo se limita a ver!

4 comentários:

  1. Que texto lindo. eu amei <3
    dose-of-poetry.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada, Carla!
      Foi enviado por uma leitora!
      Participe também, envie seu texto!
      Obrigada pela visita e volte sempre.
      Beijos,
      Sâm.

      Excluir
  2. Gostei bastante do texto! Concordo com a autora, buscar sempre sermos melhores é melhor jeito de seguir em frente :)
    Beijosss!
    Páginas Empoeiradas

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Exato, Kah! E é preciso sempre buscar melhorar, né?!
      Obrigada pela visita, lindona!
      Volte sempre.
      Super beijo,
      Sâm.

      Excluir

E aí? O que achou do post? Gostou? Tem alguma crítica construtiva ou dica? Deixe nos comentários! Lemos e respondemos a todos! Ah e deixe o link do seu blog para que possamos te conhecer melhor. Obrigada pela visita e volte sempre.

© Escrituras da Alma - 2016 | Todos os direitos reservados.
Desenvolvimento por: Jaque Design
Modificado por: Sâmela Faria | Tecnologia do Blogger.
imagem-logo