Conheça nossa página

#Resenha: Tentativas de fazer algo da vida- Hendrik Groen Por Editora Planeta (Selo Tusquets Editores)

Título: Tentativas de fazer algo da vida
Autor: Hendrik Groen
Páginas: 363
Editora: Planeta (Tusquets Editores)
Ano de publicação: 2016
Onde comprar: Planeta * Americanas * Submarino * Saraiva



"É assim que deve ser: continuar vivendo e fazendo as coisas que lhe dão prazer.”


A História

Tentativas de fazer algo da vida é um livro em formato de um diário, onde o autor Hendrik Groen é um pseudônimo (é o nome também do protagonista desse livro). Com esse diário, Hendrik irá expor toda sua trajetória em mínimos detalhes durante um ano todo de vida na casa de repouso (lar para idosos), no norte de Amsterdã. Nesse diário ele dará sua opinião, sem em nenhum momento censurar o que ele pensa sobre os demais. Ele conta de uma forma diversa todo o seu dia a dia nesse lar, sem poupar os detalhes principais, exemplificando-os com tudo que fez.

Esse asilo foi construído no fim dos anos 1960, quando os filhos ficaram ocupados demais para ter seus velhos pais e mães em casa. Ele abriga cerca de cento e sessenta idosos, e na enfermaria cerca de oitenta pessoas muito velhas ou completamente dementes ou muito doente.

Hendrik é um senhor de 83 anos que já deixa claro que não gosta de velhos e que, diferente de alguns outros idosos, ele nunca recebe visitas, coisa que só conseguimos descobrir o porquê no decorrer do livro. É um senhor que leva uma vida bem solitária e que só possui alguns laços de amizade com alguns personagens citados abaixo. Pois o mesmo detesta resmungos e lamentações ouvidos por outros idosos.

Personagens principais

Nessa história é o personagem principal quem conta a história, então o mesmo se chama Hendrikus Gerardus Groen, é sempre o correto, atencioso, simpático, educado e prestativo. Ele não se atreve ser diferente disso. Nem sempre diz o que quer, com isso sempre procura o caminho mais seguro. Ele é um senhor de 83 anos e que tem muita força de vontade para fazer coisas diferentes da vida.

Personagens Secundários

Temos vários personagens secundários, pois os mesmos são todos os funcionários, visitas e idosos que estão também morando no mesmo asilo. Esse senhor chamado Hendrikus tem vários amigos, e com isso irei mostrar alguns deles aqui e conhecer também a importância deles na vida desse senhor.

Começando com Evert seu melhor amigo, mora numa residência assistida com seu cachorro, um vira lata velho, bonzinho, preguiçoso e muito inteligente, com o nome de Monammed.

Sra. Visser uma senhora que também mora nesse mesmo asilo e que o convidou para tomar chá, o mesmo aceitou, pois não conseguiu inventar uma desculpa.

O Sr. Brinkman é um recordista de esconder um velho bassê no armário por sete semanas. Na casa para idosos tem várias regras e uma delas é proibido a entrada de animais de estimação. Com exceção a peixes e pássaros desde que não tenham mais de 10 a 20 centímetros.

A Sra. De Roos é a chefe de departamento. E a Sra. Stelwagen é a diretora do lar, simpática e está constantemente disposta a escutar e fazer observações. Ela tem 42 anos e já é chefe a um ano e meio.

A Sra. Appelbom é secretária da diretora e a mesma durante 23 anos foi secretaria do antigo diretor o Sr. Lemaire. Para ela ainda falta 2 anos para aposentar.

O Sr. Edward não fala muito por causa de um derrame mas escolhe com cuidados as palavras para melhor entendimento.

A Grietje é uma gracinha, simpática e atenciosa sem ser aduladora.

A Sra. Eefje é uma nova moradora, mas os dois grandes amigos já estão dentro do possível se aproximando e criando amizade com ela.

Esses dentre vários outros são os principais amigos que Hendrikus se sentam com prazer para tomar café.

Capa, escrita e afins

É um lindo livro que nos faz rever várias posturas que acabamos tendo com os idosos, sem mesmo perceber. Eu recomendo essa leitura para todos e se possível releia sempre que necessário. Possui uma linda capa, mesmo que no primeiro olhar seja simples, depois que se passa a entender a história começamos a entender o motivo dessa capa. Tem uma escrita simples e direta, li em pouco tempo. Em muitos momentos é engraçado, mas me emocionei em quase todos os outros. Vale muito a pena ler, pois acredito que depois dessa leitura muitas pessoas irão começar a entender o que os idosos passam e sentem quando são largados pelos familiares e pela sociedade.

Conclusão

Esse livro nos chama bastante atenção para pensar como os idosos acabam sendo esquecidos depois de serem deixados numa casa de repouso (como muitos preferem dizer). Eu simplesmente refleti muito sobre essa questão, pois muitas pessoas ainda precisam entender que pai e mãe devem e precisam receber o melhor cuidado que um filho pode oferecer.

Sei que pode ser muito complicado pela questão financeira, mas é necessário pensar que se seu pai e sua mãe passaram uma vida inteira fazendo de tudo por você, para sua educação e bem estar, é mais que sua obrigação (já que muitos não querem fazer por livre e espontânea vontade) nesse momento retribuir a esse ato de amor que lhe foi dedicado por muitos anos.

Os idosos, como também crianças, só precisam de uma pessoa para lhe ajudar em suas necessidades diárias. Pensando melhor, da mesma forma que alguém segurou sua mão para você aprender as simples coisas como (andar, escrever, comer etc.), um idoso só precisa de amor e atenção para que possa exercer essas simples atividades do dia a dia. Que ao ver de qualquer pessoa que já aprendeu seja fácil, mas que pra quem acaba não conseguindo mais fazer sozinho é bem difícil. Esse livro nos abre vários leques de pensamentos sobre a postura da família e da sociedade ao ver um idoso e ele te chama atenção para cada detalhe mostrado.

Citações preferidas


Viver não é mais que matar o tempo da maneira mais agradável possível, só assim se pode curtir a vida".

Chama atenção, ainda que seja só por um instante".


Nota: 4/5

Nenhum comentário:

Postar um comentário

E aí? O que achou do post? Gostou? Tem alguma crítica construtiva ou dica? Deixe nos comentários! Lemos e respondemos a todos! Ah e deixe o link do seu blog para que possamos te conhecer melhor. Obrigada pela visita e volte sempre.

© Escrituras da Alma - 2016 | Todos os direitos reservados.
Desenvolvimento por: Jaque Design
Modificado por: Sâmela Faria | Tecnologia do Blogger.
imagem-logo