Conheça nossa página

#Resenha: Trilogia O Teste – Joelle Charbonneau Por Editora Gente (selo Única)

             A resenha de hoje é coletiva, pois achei que ficaria desconexo se eu resenhasse cada livro separadamente. Pois bem, se você é fã de Divergente e Jogos Vorazes, vai virar fã da trilogia O Teste rapidinho. Sim, essa trilogia maravilhosa pode ser vista como uma mistura de Divergente e Jogos Vorazes e, só por isso, já dá pra saber quantas vezes você vai ficar sem fôlego, né?!
Vou falar um pouquinho sobre cada um dos livros que compõem a trilogia e dar a minha opinião no final. Como vou falar sobre todos, alerto de SPOILER a partir do segundo livro. Na segunda resenha, onde falo do segundo livro, tem spoiler do primeiro livro e a terceira resenha, em que falo do terceiro livro, há spoiler dos dois primeiros.

O Teste – Livro 1
As coisas que mais me instigaram no primeiro livro foram as frases em sua capa:
- Mantenha seus amigos por perto e os inimigos mais perto ainda, não é o que dizem? Mas como agir quando amigos e inimigos são as mesmas pessoas?
- Seu tempo está acabando...
- Não confie em ninguém.
E aí? Não te deixaram curioso (a) também?
O livro começa contando sobre uma jovem que no dia da sua formatura em Cinco Lagos (colônia onde vive) o que mais ela espera é ser selecionada para o Teste, que quase nada se sabe sobre. O que se sabe sobre o Teste é que ele é um programa feito pela Comunidade das Nações Unificadas para selecionar os melhores e mais brilhantes estudantes recém-formados para que possam se tornar líderes e ajudar a reconstruir o mundo pós-guerra. Esses alunos frequentarão, então, a universidade tão sonhada por todos.
Quando Malencia Vale (Cia) é chamada para o Teste, todos a parabenizam, menos seu pai que se mostra preocupado com seu futuro. Seu pai, que também já havia sido selecionado para o Teste e que passou por ele, dá a Cia várias advertências para seguir, no entanto, ele não pode lhe dizer muito, pois ele – como todos os outros estudantes que passaram pelo Teste – teve a memória apagada. Mas uma coisa ele lhe diz com toda seriedade: Não confie em ninguém! Deixando Cia com medo e atenta a tudo ao embarcar.
Cia embarca com mais três amigos, entre eles está Tomas, enquanto os outros se mostram ansiosos, Cia permanece em estado de alerta. O que ela jamais poderia imaginar de mais terrível está pra ser descoberto e ela e os outros terão de se mostrar fortes o suficiente para sobreviverem.
O Teste seleciona por ano os melhores estudantes recém-formados de todas as colônias. É realizado, em Tosu City, em quatro etapas. E é aí que Cia começa a ver vestígios do terror que ela terá de enfrentar dali por diante se quiser passar pelo teste. São quatro etapas de pura sobrevivência, contudo, os amigos podem virar inimigos sem que você perceba, pois é aquele negócio: regra de sobrevivência, você vai primeiro. Em quem confiar quando a única coisa que lhe resta é sobreviver? Seus amigos são mesmo seus amigos? É possível confiar em seus instintos? E se não, vai confiar em quê? Afinal, vale a pena matar para sobreviver?
Cia encontra em Tomas – seu amor desde mais nova – a confiança que seu pai lhe disse para não deixar existir, mas será que ela está fazendo a coisa certa? E seus amigos da colônia Cinco Lagos são confiáveis? Em que/quem confiar quando nem em você é possível?
Eles terão de passar pelo Teste se quiserem sobreviver, porém o Teste não vai aliviar nem um pouquinho. A luta pela sobrevivência começa.

Estudo Independente – O Teste 2
Após passar pelo Teste, Cia tem seu lugar na Universidade junto a Tomas, seu amor. Os estudantes que passaram pelo Teste, 20 de 108, terão que fazer mais um teste para serem designados aos estudos que lhe couberem melhor, aqueles que não passarem, serão Redirecionados. Há um mistério em volta desse redirecionamento, afinal, para onde vão os que não se encaixam no sistema de seleção?
Cia queria ser designada para sua área de estudos onde sempre se saiu melhor, porém é surpreendida ao ser designada para outra completamente diferente, a que ela menos queria. Enquanto Tomas foi para sua área de estudo que sempre quis.
Separada de Tomas, Cia segue para seus estudos e sua república. Ela que já havia descoberto algo que faz com que sua memória, apagada pelo Teste, retorne, se vê confusa sobre seus ideais. Agora ela sabe o que aconteceu no passado e segue com o mesmo estado de alerta, diferente de seus colegas de classe. Desconfiada com o que aconteceu para que ela pudesse estar ali, Cia tenta descobrir mais sobre o programa de seleção para a universidade, o Teste, e acaba se envolvendo demais, gerando suspeitas e sendo monitorada a todo tempo.
Em meio a tudo, ela ainda deve se manter ativa em sua grade de 9 matérias escolhidas para ela, uma das maiores grades da universidade. Após ser direcionada para o estágio, sua vida muda e ela ganha melhores oportunidades para o que tem em mente.
Agora sua escolha deverá ser entre manter as coisas como estão ou tentar acabar com o Teste. Cia descobre um grupo de rebelião contra o Teste e suas escolhas se intensificam. Disposta a ajudar a rebelião a acabar com o Teste e só havendo um jeito, Cia o procura. Quando acha, percebe o erro grave que cometeu.
E agora?

A Formatura – O Teste 3
Agora que Cia percebe o erro, quer consertar as coisas, mas para isso corre muito perigo, pois está envolvida com os mais poderosos que mantêm a universidade ativa e, principalmente, o Teste.
Já envolvida, Cia não consegue parar de pensar em como as coisas têm acontecido e o propósito delas. 
Quando Cia recebe uma poderosa missão da presidente, suas escolhas tomam um único caminho e agora ela vai precisar unir toda ajuda possível. Contando com seus amigos, incluindo Tomas, ela elabora um plano para que sua missão seja cumprida.
Que escolha será essa? Dessa vez ela poderá confiar em seus amigos? E, principalmente, em seus instintos? Como ser forte quando há muita coisa em jogo? Conseguirá ela cumprir a missão? E depois de cumpri-la, o que irá mudar? Afinal, quem está falando a verdade?
Cia e seus amigos lutam agora não só contra o Teste, mas contra a rebelião que pretende atacar criando uma guerra. Seu plano não poderá dar errado e, mesmo que dê certo, ela poderá perder aqueles que lhe deram apoio. Em torno de tudo, só há uma última coisa a dizer: O Teste final é o mais mortal.
Gente, eu li os três livros muito rápido. E fiquei extremamente intrigada com todos eles, pois um me levava a desejar engolir o outro. Os personagens foram muito bem criados e a história tem todo um contexto, tudo se encaixa. Nos dois últimos livros, há vários trechos que explicam o primeiro rapidamente, assim não dá pra poder esquecer nenhum detalhe, porque todos são muito importantes para o desfecho e o enredo por completo.
Eu gostei muito da trilogia e super recomendo. Todos os três livros têm 318 páginas, acreditem. Você vai quebrar seu coração várias vezes, vai perder o fôlego a cada nova página, não vai querer largar o livro e, principalmente, vai se surpreender cada vez mais. Até que no final, ah, no final, meus leitores, vocês irão suspirar de surpresa. Dá pra sacar algumas coisas, mas, a maioria delas é difícil demais de descobrir. Você só pode ler até o fim para saber o que acontecerá.
E aí, você confia em seus instintos?
Nota: 5 / 5 
Sâmela Faria

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe sua opinião para nós, viu?! É bom contar com a ajuda de quem nos lê. Os comentários sempre serão respondidos.
Relaxem e teclem conosco. :*

© Escrituras da Alma - 2016 | Todos os direitos reservados.
Desenvolvimento por: Jaque Design
Modificado por: Sâmela Faria | Tecnologia do Blogger.
imagem-logo