Drama,

#Resenha: As mil partes do meu coração - Colleen Hoover

maio 30, 2019 Sâmela Faria 0 Comments


Título: As mil partes do meu coração (Without Merit)
Autora: Colleen Hoover
Editora: Galera
Páginas: 306
Ano de publicação: 2018
Onde comprar: Amazon

A História

Às vezes a gente vê a vida por trás de um filtro e nem percebe. Às vezes tudo a nossa frente é uma miragem... construída por nós mesmos.
Merit é uma adolescente de dezessete anos que está passando por um momento difícil. Não, na verdade faz tempo que ela sente que sua vida é uma grande merda. Sua família é uma bagunça, tão diferente das que aparecem nos comerciais de margarina... e ela sente na pele tudo o que acontece em Dólar Voss, a casa onde mora e que ela nem considera casa.
Merit coleciona troféus que nunca ganhou. Isso mesmo, ela compra troféus em brechós cada vez que sente necessidade ou quando está triste. Sua coleção já é bem grandinha. Ela tem mais três irmãos, mas o único com quem se sente mais próxima é o mais novo, Moby, fruto do outro casamento de seu pai.
Sua mãe não sai do porão da casa onde seu pai e todos os outros vivem no andar de cima, inclusive com sua madrasta. Utah, seu irmão mais velho e Honor, sua irmã gêmea idêntica, mais parecem desconhecidos para ela. E, para bagunçar ainda mais, Luck aparece com seu sotaque estranho, enquanto um tal de Sagan vai morar ali sem mais nem menos.
Merit acumula segredos. Merit não se encaixa. Merit não se vê onde todos a veem. Merit talvez não queira mais... Será que tudo iria se solucionar se todos pudessem viver sem Merit?

Capa, escrita e detalhes

A capa do livro é perfeita. Linda, excêntrica e misteriosa. Eu amei.
A escrita da CoHo, como sempre, está excepcional. Amo muito sua forma de construir cada história e o jeito como descreve tudo, flertando sempre com a poesia e brincando com as palavras.
Falar sobre essa história me deixa emotiva. Logo nas primeiras páginas a gente já sente o peso da trama, porque já começamos conhecendo uma personagem fragilizada e mentalmente abalada.
Merit é uma personagem que mexe com a gente. Com nosso profundo. Aquele nosso eu que ninguém vê porque a gente não mostra. Merit abala uma parte de nós e do que nós fazemos com aquilo que vemos e sentimos. Ela me fez sentir o que eu nem sabia que havia dentro de mim.
Amo os personagens da CoHo, todos sempre tão peculiares e especiais. Todos. Eu AMO isso nos livros dela! Sério. Talvez seja o que mais amo em suas histórias é sua maneira de construir personagens que mexem com a gente, mesmo os mais excêntricos.
A família Voss não é muito diferente da realidade. Na verdade, é bastante semelhante. Eu não conheço família perfeita. Mas a forma com que a CoHo trabalhou essa questão familiar, para mim, foi incrível. Sabe quando você cria e recria as pessoas? Acaba por formá-las dentro de você? Fazemos isso o tempo todo. E foi incrível como isso foi trabalhado.
A relação das gêmeas também foi muito bacana, porque sempre imaginamos gêmeos idênticos que são agarrados e quando nos deparamos com a relação da Honor e Merit acabamos estranhando. Adorei que isso foi trazido para a história da forma como foi.
São tantas pendências, segredos e problemas que acontecem dentro de Dólar Voss que você se pega torcendo por todos os personagens ao mesmo tempo. Não tenho um preferido, embora Merit tenha mexido muito comigo, mas é que todos mereciam sair daquele pesadelo interno.
E que bom que CoHo fez isso com maestria.

Conclusão

As mil partes do meu coração é um livro que te acolhe. Sim, te diz “eu te entendo e você não está sozinha”. Me senti abraçada depois de tudo. Com o coração batendo forte de intensas emoções e lágrimas lacrimejando nos olhos.
Não nego meu amor pelas histórias da CoHo, mas preciso dizer que você precisa ler esse livro e conhecer Merit. Talvez você queira colocá-la numa caixinha e abraçar. Mas com certeza vai entender tudo o que se passa ali, naquele ambiente familiar envolto à segredos e problemas acumulados.
Recomendo muito para quem ama um bom drama, com personagens incríveis e bem construídos. Que tratem de assuntos delicados e que nem sempre damos a devida atenção. Recomendo para todos.

Citações favoritas

“O que as pessoas não sabem é que não existe família perfeita, por mais branca que seja a cerca”
“Os olhares não deviam ter peso, mas meus passos ficam pesados só de saber que os olhos dele estão em mim”.
“Nem todo erro merece uma consequência. Às vezes a única coisa que ele merece é o perdão.”
“Você precisa primeiro se apaixonar por si mesma.”
“Não viemos para essa terra para ser cópias dos nossos pais. A paz não chega a todos da mesma forma”.
“Suas emoções e reações são legítimas, Merit. Não deixe que ninguém lhe diga outra coisa. Você é a única que as sente.”

Comentários
0 Comentários

0 Recados:

E você, o que achou do post? Me conte aqui nos comentários!
Deixe seu link para eu conhecer seu blog também. ;)