Conheça nossa página

#642 coisas sobre as quais escrever: Carta na garrafa

Galera, estou participando - também - do projeto criado pela Bruna Morgan. Bruna disponibilizou uma lista com 642 - não ao todo ainda - coisas pelas as quais podemos escrever. E eu achei o máximo! E já estou participando dessa. Para quem também se interessar em entrar nessa, aqui está a lista e aqui está o grupo lá no facebook.
Há quem use o sorteador, eu também usarei, mas hoje, pedi para meu namorado escolher um tema e este foi o que ele escolheu: 

54. Escreva uma "mensagem na garrafa" e escreva para a pessoa que vai encontrar a carta.
  
Olá, você acaba de encontrar um tesouro, se assim o permitir que seja. Sei que não está entendendo nada neste exato momento, mas se conseguir chegar até o ponto final deste texto, algo poderá ser exprimido deste pedaço de papel. Não vou perguntar se está bem, porque eu não quero realmente saber. Não vou perguntar quem é, porque não estarei aí para lhe ouvir. Quero que  fique um pouco mais e que me escute. Eu não sei o quê te fez me achar, não vê que sou apenas um monte de palavras manuscritas por um alguém que pensa que pode tocar seu coração? Apesar da minha falha aparência em ser uma carta jogada dentro de uma garrafa qualquer que percorreu um rio até ser encontrada por um alguém, neste momento, te direi o que posso lhe trazer de bom. 
Se a vida está sendo rígida demais com você, tente repensar o que lhe faz ser o que é. Quais são suas percepções, suas críticas, e suas escolhas perante o que você chama de caminho. Embora precise entender que, caminho certo é muito imprevisível. Você não precisa acertar seus passos, do que adianta andar em linhas retas e – aparentemente – perfeitas, se em seu semblante não transparecer a riqueza de um riso sincero? Mude sua rota. Você não precisa virar às esquinas que o mundo julga bom para você. Vá por onde quiser ir. Se quiser subir montanhas, suba. Se precisar escalar, escale. Se achar que ainda não é o caminho, retorne e mude novamente. Dos seus passos, só você é o guia.
Se você já pensou em desistir, largar tudo e fugir para algum lugar qualquer bem longe dos seus problemas, saiba que, eu te entendo e também já quis fazer o mesmo. Mas aprendi que, quando um problema está sendo pesado demais e – quase – me tirando as forças, é aí que eu devo realmente rever meus atos e mesmo que seja difícil, encontrar uma solução. Entenda que fugir não soluciona nada, absolutamente, nada. Você só aumentará ainda mais toda essa bola gigante que isto tem te ocasionado. Aprenda a não deixar que seus problemas se tornem um fardo, faça com que eles sejam apenas mais uma sobrevivência diante de muita armadilha da vida que ainda virá. E quanto mais cedo solucioná-los, melhor.
Há quem diga que a vida é difícil, eu prefiro que você entenda que ela é uma prova de resistência, e se está sendo realmente tão difícil assim, algo está fazendo de errado. Algo precisa tomar outro rumo. Pode haver alguma coisa nisso tudo aí, que não está encaixando muito bem. Entretanto, cabe somente a você prescrever suas falhas e encontrar aquele ponto contínuo. Aquele ponto de luz. Cabe a você, entender o que te fere mais o coração e revidar as arquiflechadas que lhe atingirem. Todos nós sabemos que cada um carrega dentro de si seu filme de vida e mediante a isso, cada um sofre de um jeito diferente. Porém, não há relevância de heroísmo, todos são heróis de sua própria história. Agora que já leu até aqui, cuidado para não mais pisar em falso e acabar precisando mais uma vez desse monte de palavras para tentar lhe fazer ver além daquilo que você enxergou. E não se esqueça, mais uma vez, vá e tente de novo. O retorno vem para quem persiste.
Ah, se eu, apesar de parecer estranho lhe fiz algum bem, coloque-me novamente na mesma garrafa e jogue-me ao rio de novo, quem sabe não tocarei mais um coração?! Desejo para sua vida, muita força e determinação.
-Sâmela Faria


6 comentários:

  1. Uau!
    A princípio fiquei muito feliz por você ter visitado meu blog e ter deixado um comentário. Resolvi fazer o mesmo e me deparei com um baita texto que veio até mim como se eu tivesse encontrado a tal garrafa. E eu realmente a encontrei, porque cada linha serviu para algo em minha vida, meu presente.
    Maravilhoso texto! Seu blog já está na minha lista para que eu possa visitar sempre.
    Foi um prazer.
    Beijos

    http://sentimentalismodesmedido.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ah, que bom que realmente "encontrou a garrafa"! rs'
      Eu ainda não achei onde seguir em seu blog porque eu tenho usado muito meu celular. Mas, eu adorei encontrar textos em seu blog, gosto de blogs que tratam assuntos como o meu! Hahaha...
      Obrigada e volte sempre mesmo!!
      Beijos

      Excluir
    2. Oi, Sâmela...
      Tentei arrumar o blog já que disse que não estava conseguindo seguir.
      Será que você poderia me informar se consegui entrando novamente?
      Caso não consiga, me avise?
      Muito obrigada.

      Excluir
    3. Olá Mart, acho que consegui seguir pelo google+.
      Agora já não perco suas postagens!! rs

      Excluir
  2. Acho essa ideia de temas pré estabelecidos muito bacana! Facilita muito né?

    Adorei o seu texto, de verdade. O tema que o seu namorado escolheu é um tema que me agrada muito - sou bem romântica nesse ponto.
    Foi como se eu tivesse achado essa garrafa! Lindo!

    Beijos,
    www.miragemreal.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim Maria Carolina, e além disso, me sinto desafiada a escrever, eu adoro!
      Que bom que gostou, eu também adorei esse tema. Muito obrigada viu?! Volte sempre!!
      Beijos

      Excluir

E aí? O que achou do post? Gostou? Tem alguma crítica construtiva ou dica? Deixe nos comentários! Lemos e respondemos a todos! Ah e deixe o link do seu blog para que possamos te conhecer melhor. Obrigada pela visita e volte sempre.

© Escrituras da Alma - 2016 | Todos os direitos reservados.
Desenvolvimento por: Jaque Design
Modificado por: Sâmela Faria | Tecnologia do Blogger.
imagem-logo