Conheça nossa página

Talvez sim, talvez não



Talvez eu esteja tentando te escrever agora, ou ainda procurando chamar sua atenção da única forma que sei. Ou talvez eu esteja apenas escrevendo mais um manuscrito que irei publicar sem nem saber o porquê disso. Talvez essa seja minha maior qualidade, ou quem sabe pior defeito. Talvez eu esteja pronta para viajar o mundo e conhecer novos lugares, ou talvez eu esteja pronta apenas para parar de sonhar acordada em um dia de quarta-feira sem esperanças. Quem sabe eu não esteja apenas querendo um chocolate quente e um bom filme no fim da noite, ou até mesmo querendo apenas estar com você. 

Talvez eu tenha medo de me jogar em relações por já ter ouvido tanto falar de falhas, de lágrimas e toda aquela história de que depois tudo piora. Ou talvez eu tenha mesmo é uma enorme vontade de me jogar nisso que chamamos de união. Quem sabe eu não queira ser responsável pelo arroz que queimou, pelo feijão que ficou sem sal e até mesmo pela comida que não foi feita. Posso estar em cima das nuvens e quem sabe com pés no chão. Posso querer lhe dar o mundo, e até mesmo somente minhas mãos. Talvez eu queira uma palavra sua, uma frase, uma questão. Ou quem sabe eu apenas esteja esperando por um sim, ou por um não. 

Talvez lá no fundo eu queira me debruçar em meus próprios receios, ou quem sabe mais ainda, em nossos receios. Nossos planos, e até mesmo nossas cabeçadas. Quem sabe eu não seja aquele tipo de pessoa que luta e depois senta na poltrona da sala com um copo de água gelada nas mãos, pensando o que fazer caso consiga o almejo. Ou talvez, até posso ser uma dessas que não está nem aí pra nada e que só se importa em ver teu riso de canto da boca. E seu berro diante das circunstâncias. E sua garra perante nós dois. 

Sim, porque precisa de muita garra para sustentar nós dois. Talvez eu esteja a sua espera todos os dias, todas as noites e até mesmo madrugadas. Quem sabe eu não tenha aquela sua mesma mania de nunca desistir do que se quer e nesse exato momento está indo a luta. Talvez eu tenha um dez na média, mas no fundo sinto que é apenas cinco. Posso estar não me sentindo boa bastante, mas sei que não vai ligar para isso. Talvez, hoje, seja um dia qualquer e eu esteja apenas tentando mudar isso. Ou quem sabe eu apenas esteja querendo mesmo estar contigo agora. Amanhã. Depois. E sempre.
-Sâmela Estéfany 


15 comentários:

  1. Já pensei muito assim, atualmente acabei uma relação de 4 anos da qual me sentia assim entretanto chegou um momento que eu só quero saber de mim. Terminei com ele conversando tranquilamente. Tem dias que ainda dói mas vai passar.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sempre passa não é mesmo?!
      Obrigada pela visita, volte sempre! Beijos

      Excluir
  2. Lindo texto... "Talvez, hoje, seja um dia qualquer e eu esteja apenas tentando mudar isso." me sinto assim, querendo mudar as coisas.
    Beijos
    Dezesseis de Volta

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Mas sempre há como mudar!
      Obrigada flor, volte sempre!!
      Beijos

      Excluir
  3. Adorei essa carta. Amo cartas, sabe? E essa ficou linda!

    Love, Nina.
    http://ninaeuma.blogspot.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ah eu também adoro! Obrigada Nina querida!
      Volte sempre!
      Beijos

      Excluir
  4. Oi, tudo bem?
    Adorei o texto, muito bom. Achei o final muito lindo!
    Beijos... Samantha Culceag.
    Só pra Menores

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, tudo bem! Obrigada linda! Volte sempre!
      Beijos

      Excluir
  5. Sabe oque mais gosto de ler em blogs? Crõnicas. Sou apaixonada por crõnicas. São coisas que realmente me fazem parar pra ler e que assim posso indentificar com outras pessoas já que gosto bastante de escrever. Adorei o texto. Sabe quantas vezes parei pra tentar escrever aquela pessoa tão especial e não consegui. Escrever é tudo.
    beijos

    www.brrendacaroline.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu também amo crônicas! Escrever é como desencravar emoções do coração! Faz muito bem! rs'
      Volte sempre querida!
      Beijos

      Excluir
  6. Lindo! Parabéns, vc escreve muito bem.

    detudoumpouco28.blogspot.com

    ResponderExcluir
  7. Ei , mais uma vez eu estou comentando aqui haha , dessa vez é pra falar que eu estou fazendo um quadro no blog que chama favoritos e o tema da semana vai ser blogs então vou colocar meus blogs favoritos e o seu é um deles que vai está lá. Quando o post for pro ar te aviso caso queria ver. Beijos

    www.brrendacaroline.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Brenda, ai que legal! Vou adorar ver sim, com certeza! E fico muito grata por essa gentileza viu?!
      Volte sempre!
      Beijos

      Excluir
  8. Pensei muito e Compreendi não importa quantos anos eu tenho.
    Eu renasço todas as manhãs então no decorrer da vida podemos
    recomeçar sempre. Sem perceber o quanto a vida nos
    ensina só fiquei triste por perceber Como somos maus alunos
    pois deixamos passar por nós o conhecimento
    sem que o internalizemos.
    Sem dar o devido valor no amor que Deus tem por cada um de nós.
    Com essa mensagem de carinho..
    Desejo um abençoado final de semana.
    Que sua vida brilhe tal com uma constelação
    de estrelas .
    Um abraço e um carinhoso beijo.
    Devotamente sua amiga:Evanir.

    ResponderExcluir

Deixe sua opinião para nós, viu?! É bom contar com a ajuda de quem nos lê. Os comentários sempre serão respondidos.
Relaxem e teclem conosco. :*

© Escrituras da Alma - 2016 | Todos os direitos reservados.
Desenvolvimento por: Jaque Design
Modificado por: Sâmela Faria | Tecnologia do Blogger.
imagem-logo