Livros,

#Resenha: Reino em Pedaços - Erin Watt

outubro 25, 2019 Sâmela Faria 0 Comments


Título: Reino em Pedaços (série The Royals #5)
Autora: Erin Watt
Editora: Planeta de livros (selo Essência)
Páginas: 320
Ano de publicação: 2019
Onde comprar: Amazon

A História

Para um final desastroso em Herdeiro Caído, quarto volume da série The Royals, o começo de Reino em Pedaços é ainda pior. O caos está instalado.
A família Royals encontra-se em pedaços e em pé de guerra com o juiz da cidade, o pai de Hartley. Hartley, por sua vez, encontra-se hospitalizada e, pior, perdeu parte de sua memória e já não sabe mais o que foi que lhe aconteceu. Easton, no entanto, não lhe abandonou em momento algum e segue ao seu lado, mesmo sabendo que ela não se lembra dele.
Astor Park está uma zona – normal, né? – e aparentemente todos culpam Hartley pelo o que aconteceu. Para piorar, temos o aparecimento de Steve O’Halloran, pai biológico de Ella, para apimentar ainda mais a situação de todos. E, além disso, nossos gêmeos estão abalados porque Sawyer pode nem sobreviver, já que se encontra em coma.
Sentiu, né? É nesse cenário que nossa protagonista, Hartley, tenta encontrar respostas para a bagunça que se encontra instalada em sua mente. Nada parece ser certo, mas ao mesmo tempo se encaixa. É aqui que a gente descobre que nem tudo que se encaixa é bom.



Capa, escrita e detalhes

Capa maravilhosa, assim como em toda a série, temos o desenho simbolizando um trono aparentemente abalado, se desfalecendo, caindo. Tudo em total significação com o título e com a obra, apesar de eu achar que esse reino já estava em pedaços desde o primeiro volume da série.
Essa é a continuação da história de Easton, que começa no quarto livro da série, Herdeiro Caído. Aqui teremos a mesma vibe de escrita e de narrativa. Escrita tranquila, leve, fluída. Narrativa que intercala entre Easton e Hartley, mostrando a visão dos dois protagonistas de forma que nos leva a estar mais próximos da história.
A história em si é bastante curiosa e nos instiga a continuar lendo para descobrir como é que essa família vai sair de mais essa, porque eles sempre dão um jeito, não é mesmo? Aqui também. Só que isso demora um pouco mais, já que muita treta vai surgindo e você fica ali no meio deles como uma peça que não encaixa.
Confesso que esperava mais desse livro, já que o final do antecessor era bastante promissor e um tanto inesperado. Mas aqui as autoras escolheram um caminho piegas para a situação, clichê e nada fora do comum, o que não é característica dos outros livros da série. Então temos aqui uma protagonista tentando descobrir o que lhe aconteceu (mas a gente já sabe tudo o que aconteceu e isso não foi tão legal de ficar acompanhando já que não era novidade para nós) e em busca de saber quem de fato ela é.
Além disso, Easton está se mostrando um pouco mais maduro, mas, para mim, isso pareceu um tantinho forçado. Sei lá, só não bateu totalmente. Ele é um cara playboy, marrento, cheio de suas certezas e, de repente, se vê obrigado a “zelar” pela família, que se encontra em ruínas.
O romance da história ficou em segundo plano, o que foi totalmente prioridade no volume anterior. Não sei se gostei ou não disso, mas no outro livro estava gostando mais do casal.


Conclusão

Enfim, é basicamente isso. É a continuação da história de Easton, com um final esperado e relações familiares já bem conhecidas. Não há muitos temas discutidos, porque a história foca nas ações já apresentadas no livro anterior. É um livro que fecha um ciclo e que até deixa um sorriso no rosto no final de tudo, mas é só isso mesmo.
Apesar disso, eu gosto de acompanhar a série e ainda me encontro ansiosa para as continuações porque pelamordedeus... o que foi que aconteceu com o Sawyer?
Vamos aguardar os próximos episódios dessa novela mexicana!


Comentários
0 Comentários

0 Recados:

E você, o que achou do post? Me conte aqui nos comentários!
Deixe seu link para eu conhecer seu blog também. ;)