Conheça nossa página

As quatros estações do amor

Como muitas coisas na vida, o amor também pode ser considerado como estações. Estações essas que podemos passar por várias experiências distintas, mas que cada uma nos proporcionarão um aprendizado específico. Gosto muito de dizer que as quatro estações do ano sabem muito bem mostrar o seu encanto e podem nos levar a vários posicionamentos. Um deles é o amor que passa por essas quatro fases, cada uma com sua peculiaridade e com um significado. Hoje vejo que não importa qual seja a ordem, mas o meu amor, o nosso amor, não importa qual amor, ele chega e passa por todos esses momentos. E quando o amor é forte supera todos eles, todos os riscos possíveis que possam existir nessa caminhada.

A palavra amor é tão pequena, mas traz sentindo a vários momentos. Você pode amar de várias formas, a várias pessoas ou objetos. Mas essa palavra tem o poder de transformação, de recomeço, de coisas que talvez nunca encontremos palavras para dizer, mas que, no fundo, sabemos que aconteceram pelo simples fato do amor existir. Independente de qual seja o seu amor, imagino que ele pode surgir de várias maneiras e torço para que se encaixem nas melhores condições possíveis.

Torço para que o nosso amor seja como uma leve brisa da manhã que chega de mansinho, até permitir lugar a um grande brilho diário. Seja a tradução de todas essas cores que chegam na primavera e inundam nossos corredores. Que quando o verão chegar possa ser mais uma chama viva para poder disputar com o brilho do sol. E que no outono possa ser o elo entre o calor dos dias de felicidade e aconchego para os dias onde só o amor será capaz de enfrentar. E então os brilhos e os perfumes poderão começar a se desfazer e, muito provavelmente, surgirá o inverno, a estação dos conflitos, da saudade, dos desafios, onde só o verdadeiro amor será capaz de superar. Onde tudo fica sem brilho, sem cor.... mas nada perde seu verdadeiro encanto.

A vida é feita de fases e estações que podem surgir com as flores, mas passarão por todas as outras também, inclusive por aquelas não tão boas. Pelos dias quentes de amor, e também pela longa noite fria. Pelo brilho e o amarelado das cores. Isso quer dizer que passaremos por todas essas estações. Sejam elas boas ou não, mas todas de aprendizado. Todas deixando uma bela experiência pela qual jamais poderemos viver outra vez na vida, porque os momentos e experiências não se repetem, nunca são iguais. E é por isso que precisamos saber valorizar.

Então o amor é isso, uma palavrinha que nos permite buscar sempre ser melhor a cada dia, com o desejo de querer sempre o bem sem olhar a quem. Uma palavra que pode se misturar no meio de muitas outras, mas que jamais perderá o seu significado principal. O amor é uma das poucas coisas que te fornece essa sensação de prazer e encantamento e que te mostrará que tudo pode valer a pena, mesmo sem ter uma fórmula correta para seguir.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe sua opinião para nós, viu?! É bom contar com a ajuda de quem nos lê. Os comentários sempre serão respondidos.
Relaxem e teclem conosco. :*

© Escrituras da Alma - 2016 | Todos os direitos reservados.
Desenvolvimento por: Jaque Design
Modificado por: Sâmela Faria | Tecnologia do Blogger.
imagem-logo